Quantcast
Supply Chain 4.0

Relatório da DHL revela crescimento do comércio global de mercadorias

Relatório da DHL revela crescimento do comércio global de mercadorias

A DHL e a NYU Stern School of Business publicaram o relatório ‘Trade Growth Atlas’ que mapeia as tendências e perspetivas do comércio global de mercadorias.

As conclusões do relatório, que abrange 173 países e que mede as alterações nas quotas dos países e das regiões no comércio mundial, revelam que o comércio internacional de mercadorias aumentou até 10% acima dos níveis antes da pandemia e, que o Vietname, a Índia e as Filipinas são os países, de acordo com o comunicado, que”(…) destacam-se tanto em velocidade como em escala no crescimento previsto do comércio até 2026”.

 

A China foi o país responsável, nos últimos anos, por um quarto do crescimento do comércio, mas prevê-se a queda da sua quota para metade, para o valor de 13%.

O Sudeste e Sul da Ásia são as regiões em que foram identificados novos polos de crescimento do comércio e espera-se, na África Subsaariana, de acordo com o comunicado, que”(…) o crescimento do comércio acelere drasticamente”.

 

As conclusões do ‘Trade Growth Atlas’ da DHL apontam que o comércio cresça, segundo comunicado,”(…) ligeiramente mais rápido em 2022 e 2023 do que na década anterior”, apesar das previsões de crescimento do comércio terem reduzido devido à guerra na Ucrânia.

Steven Altman, Senior Research Scholar e Diretor da Iniciativa da DHL sobre Globalização no NYU Stern’s Center for the Future of Management afirmou, citado em comunicado, ”(…) temos procurado destilar os dados mais importantes sobre o estado e trajetória do comércio global e dar vida aos dados em mapas, gráficos e outros conteúdos visuais”.

Subscreva a nossa newsletter e não perca os principais projetos em termos de mobilidade na cadeia de abastecimento.