Quantcast
Transportes de passageiros

Porto de Lisboa é candidato a melhor da Europa no setor dos cruzeiros

Porto de Lisboa é candidato a melhor da Europa no setor dos cruzeiros

O Porto de Lisboa está nomeado para os World Cruise Awards (WCA) que reconhecem e galardoam no setor global dos cruzeiros e para os World Travel Awards (WTA), galardão que premeia exemplos de boas práticas no setor do turismo.

O Porto de Lisboa é candidato a Melhor Porto de Cruzeiros Europeu e Melhor Destino de Cruzeiros Europeu nos WTA e, nos WCA, está nomeado para Melhor Terminal de Cruzeiros da Europa e Melhor Destino de Cruzeiros da Europa.

 

A APL (Administração do Porto de Lisboa) afirmou, em comunicado, que as nomeações: “(…) constituem uma prova do reconhecimento internacional do porto de Lisboa e do empenho dos diversos agentes económicos na melhoria contínua do destino para navios e passageiros de cruzeiro”.

Na categoria de Melhor Porto de Cruzeiros Europeu, nos WTA, Lisboa está nomeada juntamente com os portos de Antalya, Istambul e Ege na Turquia, de Heraklion e Pireus, na Grécia, Barcelona, Copenhaga, Amsterdão, Marselha, Southampton, Split, na Croácia e Veneza.

 

Na categoria de Melhor Destino de Cruzeiros Europeu, a capital portuguesa partilha a nomeação com cidades tais como Atenas, Bodrum, Izmir e Kusadasi (Turquia), Cannes, Dubrovnik (Croácia), Edimburgo e Oslo.

Nos WCA, para Melhor Destino de Cruzeiros da Europa, para além de Lisboa, está nomeada a Região Autónoma da Madeira como as cidades de Kotor ( Montenegro), Londres, Monte Carlo, Nice e Roma e para Melhor Terminal de Cruzeiros da Europa, a capital de Portugal compete o galardão contra as cidades de Civitavecchia (Itália), Limassol (Chipre), Málaga, Kiel e Rostock-Warnemunde (Alemanha), Mónaco, Valleta (Malta) e Zadar (Croácia).

 

A entrega de prémios decorre, sábado, no dia 1 de outubro em Maiorca, Espanha.

A votação para os World Cruise Awards é até domingo, dia 7 de agosto e para os World Travel Awards, até à meia-noite de segunda-feira, dia 8 de agosto.

Subscreva a nossa newsletter e não perca os principais projetos em termos de mobilidade na cadeia de abastecimento.