Quantcast
Segurança

DHL é marca mais usada em ataques de phishing

DHL é marca mais usada em ataques de phishing

A DHL, com uma percentagem de 22%, ficou em primeiro lugar em tentativas de phishing, a nível mundial, tendo sido a marca mais imitada por hackers nas suas tentativas de roubo de informações pessoais ou credenciais de pagamento, de acordo com o relatório Brand Phishing Report, da Checkpoint Research, relativo ao terceiro trimestre deste ano.

O aumento do uso da transportadora poderá dever-se a um esquema global e ataque de phishing que a DHL alertou que estava a ser alvo, a dias antes do início do trimestre.

 

A logística é uma das indústrias que é mais usada para ataques de phishing, atrás da tecnologia.

A Microsoft, com uma percentagem de 16%, surge em segundo lugar e a Walmart, em sétimo lugar, com uma percentagem de 5%.

 

O Brand Phishing Report revela as marcas que os hackers simularam para atrair as pessoas para a entrega de dados pessoais durante os meses de julho, agosto e setembro.

Subscreva a nossa newsletter e não perca os principais projetos em termos de mobilidade na cadeia de abastecimento.