Quantcast
Supply Chain 4.0

Aveiro e Ovar recebem rede local 5G para tornar produção mais inteligente

Bosch G Aveiro

A Bosch confirmou ter implementado a primeira infraestrutura 5G nativa em fábricas de Aveiro e Tomar, permitindo que estas instalações operem sem ligação ao operador de telecomunicações.

Segundo o explicado através de comunicado, esta é “uma infraestrutura 5G standalone, uma instalação cuja tecnologia só estará disponível no mercado de telecomunicações dentro de dois anos”, distinguindo-se da restante oferta “pelo facto de todos dados permanecerem na Bosch, não tendo por isso qualquer ligação à rede do operador de telecomunicações”.

 

Para Nelson Ferreira, responsável pela área da Indústria 4.0 na Bosch em Aveiro, a implementação do 5G é uma oportunidade para aumentar a competitividade na produção: “com implementação de controlo de linhas de produção feita remotamente em servidor “edge”, conseguimos uma maior flexibilidade e performance de todo o processo, um menor custo de implementação e uma maior sustentabilidade, uma vez que não necessitaremos de quilómetros de cablagem para fazer sensorização ou comunicação com os sistemas de controlo avançado”.

Através da instalação desta infraestrutura 5G única, as fábricas da Bosch em Aveiro e Ovar vão realizar diversos testes, nomeadamente nos sistemas de produção flexíveis com sensorização preditiva, em sistemas de localização ou testes de produto. O fator inovador desta tecnologia está no facto de permitir explorar soluções de flexibilidade da linha de montagem com base em tecnologia wireless, ou seja, linhas de montagem controladas a partir de um servidor, o que significa uma orquestração total de uma linha por oposição a controlo ponto a ponto no passado