Quantcast
Sustentabilidade

Profissionais dispostos a pagar mais por transporte com menos emissões

Profissionais dispostos a pagar mais por transporte com menos emissões

Mais de 70% dos profissionais de nível sénior (78%), responsáveis por compras, logística e gestão de frotas, inquiridos num estudo da Ipsos (Empresa Especialista em Pesquisa de Mercado e Opinião Pública) e da Volvo Trucks, mostra que estes estão dispostos a pagar mais por um fornecedor de transporte com pouca ou nenhuma emissão de CO2.

As conclusões do estudo acerca da procura por transportes livres de combustíveis fósseis em compras futuras, de 100 grandes empresas de produção e comércio eletrónico na Alemanha, França, Reino Unido, Itália, Espanha, Holanda, Suécia e Noruega, revelam que 85% dos entrevistados estão dispostos a mudar de fornecedor de transporte se o atual não corresponder aos seus requisitos.

 

Do número total de empresas, 60% acreditam que correm o risco, nos próximos três anos, de perder clientes se não puderem corresponder os seus critérios de entregas com pouca ou nenhuma emissão de CO2.

O presidente da Volvo Trucks, Roger Alm afirmou, citado em comunicado, que ”(…) a eletrificação será o principal fator para os transportes rodoviários de zero emissões”.

 

A empresa estabeleceu, para 2030, uma meta global de que 50% de todos os novos camiões vendidos serão elétricos a bateria ou célula de combustível.

 

Subscreva a nossa newsletter e não perca os principais projetos em termos de mobilidade na cadeia de abastecimento.