Quantcast
Transporte de passageiros

Madrid aposta em sistema de carregamento elétrico inteligente automático para autocarros

A Empresa Municipal de Transportes de Madrid (EMT) deu mais um passo no processo de eletrificação, com a aposta num sistema de carregamento elétrico inteligente automático para os seus autocarros. O projeto conta com mais de quatro milhões de euros de financiamento, 90% provenientes dos fundos Next Generation.

Em comunicado, a empresa explica que o objetivo é que o sistema seja adaptável a toda a sua frota, independente da marca e do carregador, e poderá ser replicada noutros centros operacionais. Atualmente, o projeto vai iniciar-se no Centro de Operações de Fuencarral, com um total de 20 autocarros elétricos.

 

A execução do projeto está prevista para 18 meses. Numa primeira fase, de 12 meses, quer colocar-se em marcha e comprovar a solução em três autocarros elétricos. Os outros seis meses servirão para expandir para a restante frota envolvida no piloto.

O sistema de automatização da carga elétrica vai ser realizado através de um pantógrafo invertido, processo que permite o carregamento dos veículos sem a intervenção de qualquer operador ou tempo de espera pelo condutor no início ou no final do seu dia de trabalho.

 

“O sistema permite que o carregamento de cada autocarro seja realizado no menor tempo possível, sem comprometer a duração das baterias e otimizar os custos associados à operação e à energia exigida da rede. Todas as estações de carregamento serão idênticas, com uma potência de até 180 kW”, informa a EMT.

Atualmente, Madrid é a cidade de Espanha com mais rotas eletrificadas e a segunda na Europa, atrás de Berlim.