Quantcast
Tecnologia

Mercedes-Benz vai disponibilizar sistema de condução automatizada condicional

Mercedes-Benz vai disponibilizar sistema de condução automatizada condicional

A Mercedes-Benz vai disponibilizar o seu sistema Drive Pilot na Alemanha, a partir do dia 17 de maio. Este sistema, que tem como intuito a condução automatizada condicional (nível 3 de SAE), assume a condução em determinadas condições de tráfego pesado ou situações de congestionamento em troços de autoestradas adequados na Alemanha até uma velocidade de 60 km/h.

Em comunicado, a empresa revela que é a primeira fabricante de automóveis no mundo com uma certificação internacional válida para condução automatizada condicional. O sistema DRIVE PILOT baseia-se em tecnologias como radares, LiDAR e câmaras, mas também sensores de ultrassom e humidade.

 

A Mercedes-Benz pretende obter a aprovação regulamentar da série para os dois estados norte-americanos da Califórnia e do Nevada até ao final do ano, desde que a situação legal permita a operação do sistema.

“O manuseamento responsável de tecnologias futuras, como a condução automatizada condicional é a chave para a aceitação entre os clientes e a sociedade. Com o DRIVE PILOT, desenvolvemos uma tecnologia inovadora que, graças a redundâncias com muitos sensores, permite uma operação segura e devolve o valioso ‘tempo’ ao cliente”, refere, Britta Seeger, Member of the Board of Management of Mercedes‑Benz Group AG responsável pelo Marketing & Sales.