Quantcast
Transporte de mercadorias

AGEPOR adverte para dificuldades de financiamento dos portos portugueses

AGEPOR adverte para dificuldades de financiamento dos portos portugueses

A AGEPOR revelou que as propostas de tarifas portuárias para o próximo ano aumentam em todos os portos entre 4,1% a 12% e que o Orçamento de Estado de 2023 não incluiu a isenção do Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) nos combustíveis das dragas.

Para além disso, a Associação dos Agentes de Navegação de Portugal mostrou preocupação com a competitividade dos portos portugueses bem como o interesse no debate acerca do seu financiamento.

 

A AGEPOR destacou a importância dos fundos comunitários para a realização de investimentos nos portos assim como revelou a sua exclusão do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

A AGEPOR alertou para a necessidade de cumprimento dos investimentos para a competitividade dos portos portugueses no mercado internacional, com impacto na criação de riqueza.

Subscreva a nossa newsletter e não perca os principais projetos em termos de mobilidade na cadeia de abastecimento.